Piauí terá seu próprio estatuto da pessoa com deficiência

Foto de símbolos da inclusão
Compartilhe:

O projeto de Lei da deputada federal Rejane Dias (PT), que cria o estatuto da pessoa com deficiência no Estado do Piauí, foi aprovado na Assembleia Legislativa e deve seguir para sanção do governador Zé Filho (PMDB). A medida é considerada histórica para a categoria, já que o Piauí vai ser o segundo Estado do país a ter seu próprio estatuto da pessoa com deficiência.

“É com muita alegria que recebo essa aprovação ao meu projeto, que é resultado de quatro anos de trabalho intenso, contendo mais de 200 artigos que vão versar sobre empregabilidade da pessoa com deficiência, educação inclusiva, um acesso melhor aos serviços de saúde, além do aumento do percentual de cotas para pessoas com deficiência em empresas e concursos públicos”, ressalta Rejane Dias.

Segundo a parlamentar, o Piauí possui quase 30% da população composta por pessoas com deficiência, “por isso não podemos ter um olhar invisível em relação a esse grupo”, reitera Dias, ao comentar que o estatuto foi construído por meio da participação de pessoas com deficiência, que contribuíram com a formulação dos artigos.

Fonte: O Olho