Único corredor com deficiência visual vence prova entre 70 atletas em Campos (RJ)

Fernando ocupa o alto do pódio e braça o segundo e terceiro colocados
Compartilhe:

Único atleta com deficiência visual em uma corrida com a participação de 70 pessoas, o corredor Fernando Gonçalves, de 29 anos, venceu a competição que ocorreu no subdistrito de Guarus, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. A I Corrida e Caminhada Estações Fitness foi realizada no domingo (18), com percurso de 6 Km na Avenida José Carlos Pereira Pinto, uma das principais. Fernando venceu na categoria de corredores de 25 a 29 anos.

Segundo Fernando, ele teve como guia o corredor Luiz Gustavo Ramos, que teve participação importante na vitória. O atleta agora se prepara para o Circuito Sest/Senat, que vai ser disputado no dia 8 de novembro em Campos.

"Tive muita dificuldade nessa prova e cheguei a cair ao passar por um redutor de velocidade. Machuquei um pouco meu joelho e, mesmo assim, continuei na disputa em busca do meu objetivo. Eu mostrei a todos que, mesmo com a minha deficiência, posso vencer a competição", disse o corredor.

De acordo com Fernando, que tem a deficiência de nascença, a falta da visão nunca o impediu de fazer o que mais gosta, que é correr e competir. Ele pratica o esporte há mais de dez anos e constantemente participa de provas em Campos e na região.

"Sou o único deficiente visual de Campos a participar de competições. Tenho conhecimento de que outros deficientes também têm vontade de competir, mas falta coragem. Precisamos alcançar os nossos objetivos e lutar contra os nossos limites para conseguir alcançar a vitória. Tenho certeza de que essa é apenas mais uma de uma coleção de conquistas", declarou o atleta.

Fernando Gonçalves foi aprovado e vai fazer parte da equipe de atletismo do Instituto Benjamin Constant, no Rio de Janeiro. A integração a uma equipe de ponta do esporte nacional vai possibilitar que o corredor participe das próximas competições regionais em 2016, pensando em uma classificação para três provas do Circuito Nacional que são classificatórias para as Paralimpíadas.

Fonte: G1