Desfiles das Escolas de Samba de São Paulo terão audiodescrição ao vivo

O recurso de acessibilidade para cegos será disponibilizado em tempo real nas redes sociais da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência nas apresentações das agremiações do grupo especial e no desfile das campeãs

Foto de um homem com fones de ouvido com o sambódromo ao fundo e carros alegóricos
Compartilhe:

A folia é para todos! A Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo (SMPED) disponibilizará audiodescrição ao vivo nos desfiles das Escolas de Sampa do grupo especial, nos dias 9 e 10 de fevereiro e no desfile das campeãs, dia 16 de fevereiro. O recurso de acessibilidade será transmitido pela página do Facebook da SMPED.

A audiodescrição fornece descrição de imagens como expressões faciais, figurinos, cenários, mudança de espaço e tempo e qualquer informação escrita. O sistema é operacionalizado por meio de uma cabine onde o audiodescritor descreve em linguagem oral o que assiste.

O evento terá apoio da DKS Eventos, que fornecerá os serviços de acessibilidade comunicacional nos dias da ação.

Segundo o Censo IBGE 2010, a cidade de São Paulo possui 2,2 milhões de pessoas com deficiência visual, sendo 346 mil pessoas com grande dificuldade ou cegas.

O quê: Audiodescrição no Desfiles das Escolas de Samba do Grupo Especial
Quando: 9 e 10/2
Informações: acesso da transmissão pelo link www.facebook.com/smpedsp