CIEE inaugura o Inclui CIEE

O espaço é o primeiro do Brasil a dedicar 100% do seu atendimento a jovens e estagiários com deficiências que desejam ter uma oportunidade no mundo de trabalho

Foto da entrada do Inclui CIEE, com uma jovem cadeirante na porta. Ela está uniformizada, usa um crachá e sorri
Compartilhe:

O Centro de Integração Empresa – Escola (CIEE) irá inaugurar nessa quinta-feira (22), às 18h30, o Inclui CIEE. O evento acontece no Teatro CIEE, localizado na Rua Tabapuã, 445, Itaim Bibi, em São Paulo.

O Inclui CIEE é um espaço destinado ao atendimento de jovens e estagiários com deficiência física e intelectual (PCD´s) que buscam uma oportunidade no mundo de trabalho. Na área, o jovem terá um espaço de atendimento adaptado e acessível em pleno acordo com as suas necessidades. Durante a inauguração, o CIEE realizará um seminário que debaterá a ampliação do conceito de inclusão e a necessidade de incluir cada vez mais minorias excluídas.

De acordo com Luiz Gustavo Coppola, superintendente nacional de atendimento do CIEE, a entidade já realizava um atendimento similar, que beneficiou mais de 40 mil jovens com vagas de estágio, aprendizagem e até mesmo emprego, porém ainda faltava no Brasil um espaço 100% dedicado a esse público. O objetivo da entidade é ampliar o espaço Inclui CIEE para todas as unidades do Brasil.

“Desde 1999 já realizávamos essa ponte de incluir o jovem com deficiência nas empresas, mas chegamos a um ponto de perceber que apenas isso não seria o suficiente, era necessário algo ainda mais direcionado. O Inclui CIEE tem essa missão ainda mais latente, de sensibilizar empresas e órgãos parceiros a enxergarem o jovem pelo seu potencial de desenvolvimento e não suas limitações”, explica.

O Inclui CIEE atuará como uma consultoria. Ele fará uma análise completa para entender se a empresa possui estrutura para receber um jovem com deficiência, qual o perfil da vaga que ela disponibiliza e o perfil necessário para preenchê-la, acompanhamento do processo seletivo pré e pós-contratação, entre outros.

Fonte: Assessoria